11 de fev de 2014

Tratando da acne e oleosidade de pele sensível

Olá pessoas !
Falarei um pouco sobre minha eterna saga para ter uma pele "Normal" haha. Em "pele normal" entende-se uma pele sem manchas, sem espinhas nem cravos e sem oleosidade, e com uma aparência viçosa e toque macio. Parece fácil? Sim,se você não tem genes que atrapalhem isso. Conheço inúmeras pessoas que nunca passaram por casos de espinhas enormes atrapalhando o rosto, e acredite se quiser, da minha própria família. Nem meus pais e meus avós tiveram espinhas na adolescência. Bem... não como eu! Eu tinha tanta espinha que as pessoas tinham nojo de olhar para mim,e imagine como uma adolescente se sente nessas situações. Horrível,né?
 Nunca conheci alguém que gostasse de ter a pele pingando óleo de oliva ou que tivesse um enorme sorriso ao pensar em suas lindas erupções cutâneas. Realmente, é um problema que deve ser tratado.
Muitas pessoas desavisadas recorrem aos produtos que passam na tv, tipo acnase (da minha época) e a  que até lançou uma linha de maquiagem. Eu usava tranquilamente o tal Acnase creme até que um dia, antes de uma festa,resolvi aplicar um pouco para secar uma espinha enorme (sei hoje em dia que não daria certo), e TCHARAMMM ! Comecei a me coçar toda e uma ardência tremenda e horrível, meu rosto todo vermelho... Daí descobri, minha pele além de acneica era sensível, ou seja, não era qualquer produto que eu poderia usar. Embora desse muito certo com a Fulana, fosse perfeito para a Ciclana, em mim pegava fogo (literalmente haha).
 Sei que muitas pessoas passam por isso, e nem sempre se dão muito bem com algum produto de uma marca famosa. Eu mesma tive alergia à um protetor solar da La Roche-Posay, e uso outros protetores da marca, mas não aquele. E nem lembro qual é. Resolvi ir à uma dermatologista, que eu gostava muito e durante um bom tempo tratando (para sumir de vez com as espinhas e a oleosidade não é de uma hora para outra,lembre-se que voce pode até ter sido feito em 7 minutos, mas sua mãe só te pariu com 9 meses). Acho que foram 4 anos com ela. Infelizmente tive de procurar outra dermatologista, pois mudei de plano de saúde e ela não aceitava esse. Daí procurei,procurei e fui em outra, uma senhora já, FANTÁSTICA DOUTORA. Não desmerecendo à antiga,mas a atual desbanca qualquer um hahahaha
O caso foi o seguinte,como fiquei muito tempo sem me tratar,pois precisava de uma nova manutenção e troca de produtos,pois com o tempo se você não tem mais espinha,tem um cravo aqui e outro alí que tem a necessidade de tirar, e como estava sem plano, não tinha a quem recorrer. Cheguei nela cheia de cravos,manchas e muita oleosidade (adeus espinhas). Em um mês metade do problema estava quase resolvido. Mas não se engane, cada pele é uma pele e só teve rápida resposta pois o tratamento estava já iniciado há anos. Realmente me surpreendi com a resposta dos medicamentos. E alguns nem precisam de prescrição médica, tipo os da marca Clinique e da Dermage. São lojas especializadas que você pode chegar lá e comprar.
Sempre tive uma sensibilidade enorme ào sol por causa do tratamento, então sempre usei o protetor solar acima de 30, um item que se começares o tratamento,deverá ser quase inseparável, nos dia de sol e sem sol também. E, dica, não ouse ficar sem se tens a pele sensível, ou sensibilizada, pois a ardência virá e não terá pena :p
No próximo post eu colocarei os produtos que tenho usado para controlar a oleosidade e cuidar da pele. Bjs e até a próxima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente !