1 de mai de 2017

Quer ser mais produtivo? Mude essas 8 atitudes urgente


 


Oe!

Hoje quis trazer algo que eu passei (e ainda passo) mas estamos aqui pra melhorar sempre, certo?

Acredito que muitos de nós acabamos caindo desses errinhos e ficamos perdidos quando as coisas não dão tão certo quanto esperávamos. Tudo nessa vida tem um motivo. E as vezes o que deixa de acontecer tem uma parcela de responsabilidade nossa, culpa não. Exclua a palavra culpa da sua vida. Te explico mais abaixo!

"O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar com mais inteligência."
Henry Ford

  • Ficar MUITO tempo no celular 
Primeira coisa que indico fortemente para vocês é baixarem o aplicativo Quality Time, que é todo em português, explicadinho e fácil acesso, caso vocês achem que estão passando tempo demais no celular e sintam o tempo esvaindo dos dedos. Tem muito aplicativo legal e muito crush mandando nude mas tem hora pra tudo né gente?

Tem muito vídeo e tutorial legal mas a gente também tem que cuidar do nosso, ninguém vai trabalhar e estudar pra gente. Organização e foco.

Os grupos de Facebook e Whatsapp são super interessantes mas eles ocupam muito tempo. E eu gastava certa de 10 horas diárias só nisso. 70 horas por semana. Essas 70 horas estavam pesando na minha produtividade, minhas notas não estavam tão boas e meu blog estava parado. E eu não fazia ideia de como isso acontecia. Agora sabemos.
  •  Não ter prioridades
O caso é, se junta com gente que "sabe o que quer". Essas pessoas vão te ensinar muito sobre prioridades. 

E caso você não conheça ninguém, seja você mesmo essa pessoa. Como disse no tópico acima, tem muita coisa legal sendo lançada 24 horas por dia, mas a gente não pode e nem deve querer ver tudo, abraçar o mundo com as pernas (como diria minha vó). Temos prioridades.

Quais seus principais afazeres diários? Faculdade, tem blog, precisa estudar, faz sua própria comida em casa? Trabalha e estuda? Vai à academia, precisa pegar o irmão na escola às 17? Anota tudo o que você faz por dia e redistribui seu horário. Vai dar tempo, você tem tempo. Acredite.
  • Acreditar que não consegue 
Primeiro erro de querer dar certo na vida é nem você mesma ter fé em si. Vamos parar por aí. Isso é sério.

Como alguém vai acreditar em você se nem você acredita em você? O nosso cérebro é altamente guiado por nossas crenças. E muitas vezes somos pessimistas. Algo que chamamos de crenças limitantes. Já dizia Henry Ford:

Reprodução: O Pensador
Isso significa que se você acreditar que você consegue, você está certo pois seu cérebro vai arrumar meios de conseguir aquilo que tu se propôs a conquistar. Mas caso você ache que não vai conseguir, obviamente seu cérebro vai se encolher na dele e nem vai se esforçar a conseguir. Mesmo que você tente fazer, se você for com um pensamento que não adianta o que você faça, que vai dar errado mesmo, isso realmente vai dar errado, pois o teu inconsciente não vai operar na máxima capacidade de fazer dar certo. Simples assim. 

Há também a Lei da Atração, para quem acredita. A Lei da Atração nada mais é do que uma crença de que você atrai o que você emana para o Universo. Se você só pensa em merda, só vai acontecer merda com você. Se você deseja o bem e sempre procura o lado positivo das coisas, o melhor vai te acontecer. Vale a pena dar uma pesquisada!

  •  Pedir autorização à opinião alheia 

Nós estamos tão acostumados a vermos algumas pessoas serem bombardeadas por elogios que também queremos ser o foco das atenções. 



Não há problema em gostar de ser elogiado. Há problema em depender de elogios, fazer deles combustível para qualquer passo que você dá na sua vida. Teu namorado não gostou do teu corte de cabelo? E o cabelo é dele? Que diferença faz, uma opinião é só ar.
 "A tear is only water. A sigh is only air."
Mas opinião alheia não depende de você, acredite! As pessoas tem pré julgamentos de nós, e independentemente do que façamos, a opinião delas já está formada. Sempre terão uns que vão gostar e outros que não vão. Isso não pode ser tua bússola.

E essa dica é fortemente para mim, por muito tempo eu era dependente da opinião alheia, se alguém criticava meu batom, eu corria para o banheiro tirar ou tentava conversar com a pessoa para mudar aquela opinião dela, pois meu batom era sim muito bonito (???). Olha que coisa absurda HUAHUAHAU Cada um é livre para ter a opinião que bem quiser, podem até realmente não gostar do teu batom, mas o foco é que VOCÊ GOSTA DELE, e é VOCÊ QUEM IMPORTA GOSTAR DELE. Não os outros.

Você não é obrigada a gostar de nada nem de ninguém, mas o que importa é que você sabe o seu valor, e caso alguém venha te criticar, você não vai acreditar que tudo o que você fez na vida perdeu a graça. Nem que tu ame muito aquela pessoa. Você se conhece e sabe seus motivos. Isso te basta.

De modo geral eu não aceito críticas e não acredito em criticas construtivas. Se é algo que afeta a você e a todos a teu redor e a pessoa tem uma certa intimidade contigo, acho legal que ela venha e diga que é algo que atrapalha a relação com você pois ela valoriza o relacionamento de vocês. Mas se é um aleatório que nem te conhece, o que você ou ele ou o universo ganham caso ele diga que tua roupa "te deixou gorda" ou que "teu cabelo não te valorizou", ou ainda que "sua risada é irritante?".

Absolutamente nada além de tentar de deixar triste e tirar o sorriso do teu rosto. Ou seja, irrelevante.
Ignore. Mandar a merda vai causar a ele um certo sentimento de "nossa ela me deu atenção". Hater é um bicho carente.

  •  Achar que a grama do vizinho é sempre mais verde 

"Ah mas o feed do instagram de fulana é lindo e todo mundo segue ela e todo mun..." 
Querida, independentemente da existência dela, você existe. Você tem valor. Ninguém é mais valoroso ou menos por algum outro existir, ou deixar de ganhar ou perder algo. Não são coisas diretamente ligadas. Não importa o que o outro ganha ou perde, isso não te afeta. A menos que você fique feliz com os ganhos dele(a), o que é lindo. Fora isso. A grama dela não é mais verde do que a sua, são tons diferentes de verde. Dois tons lindos de verde.

Amigos, ninguém é melhor do que ninguém. NINGUÉM.

Nenhum ser humano está acima dos outros por algum feito dele. Caso a atual do ex que tu ainda ama seja "mais bonita" que você, isso é mentira sua. Ninguém é mais bonito que ninguém, beleza é relativa e cada um tem seus defeitos e qualidades. E realmente beleza não é um atributo que valha muito a pena medir, pois conheço milhares de pessoas lindas que são podres, tem a alma podre. Adiantou nascer bonito? NÃO.


  •  Ignorar sua intuição 
Digo a vocês que a partir do início desse ano comecei a dar um super valor à minha intuição viu. Por mais que eu queria que determinadas coisas dessem certo ou que acontecessem (ou deixassem de acontecer), acontecia certinho o que eu estava esperando.

E não tem como a gente errar pra sempre o mesmo erro, eu tinha que finalmente dar ouvidos à minha intuição. Já estava sendo burrice minha não perceber. E cada um tem a sua intuição. E você sabe que é real.

Quando a gente se diminui, ou deixa de acreditar no nosso valor, ou se acha burra, enfim, a gente perde quilos de auto estima. E quanto menos a gente ouvir a nossa intuição, mais a gente se prejudica e isso também afeta nossa auto estima. E auto estima abala tudo né gente?! Não ignore sua intuição!
  •  Ficar muito tempo parado 
Amigos, esse tópico sempre foi uma porrada na minha linda face, mas parou de ser. Eu sempre ficava na dúvida sobre destino e se algumas coisas aconteceriam independente do meu esforço sobre. Mas eu nunca acreditei em destino (olha minha intuição aí). Nunca fui uma criança acomodada, porém preguiçosa. Como eu já sabia que ia gabaritar a provinha, não estudava. Gabaritava? Sim, mas não era com aquele gostinho de vitória.

O tempo passou e eu usava meu tempo da forma mais bizarra e errada possível, e nunca tive disciplina. Tá certo que uma boa parcela de responsabilidade está nos pais para incentivar o estudo dos filhos, mas isso agora, não vai mudar muita coisa. E eu sentia uma imensa dificuldade de fazer bunda-hora (um termo bizarro que meu professor usa para representar dedicação). 

Resumindo, eu não conseguia me dedicar a nada pois isso não me foi ensinado desde criança. Aí que entra a prática deliberada, pois quanto mais tempo parado você fica, menos você vai saber fazer as coisas. Vai ficar mal acostumado. Um corpo em repouso tende a ficar em repouso. ~primeira Lei de Newton~

A prática deliberada consiste em praticar constantemente, em grande quantidade. Sem ter horário específico. Para ser expert em algo, é de ardente importância praticar deliberadamente aquilo. Você quer ser um ótimo escritor? Escreva sobre tudo, o tempo todo, constantemente. Quer ser fera em matemática? Faça uma boa quantidade de exercícios, sem pena. Quer ser um excelente desenhista? Peça para as pessoas na rua posarem para você e as desenhe por um preço mínimo. Você vai treinar e cada vez mais terá habilidade naquilo. Habilidade não é dom, é treino!

Incentivo super a leitura deste artigo aqui, que fala muito sobre esse tópico.
  • Deixar o mais difícil pra depois 


E por último, mas nem por isso menos importante, deixar o mais difícil por último. Veio super ao caso. Nada é por acaso. 

Sabe o motivo disso nunca dar certo? É porque tu vai adiar adiar adiar adiar até não poder mais, e quando você for ver, o tempo já super passou e se acumulou uma porrada de coisas, e tu não fez absolutamente nada, pois criou uma crença limitante de que era difícil. E agora mesmo, que sendo "difícil" e acumulando, você não vai querer fazer mesmo. Daí se junta a crença limitante (teu cérebro se recusando a fazer), o tempo perdido, procrastinação e quantidade.

Mão na massa! Se precisa ser feito, bora fazendo.

Espero ter abrido os olhos de vocês, beijo na bunda e até muito breve.

Me siga nas redes sociais

Um comentário:

  1. Lina, que post fantástico! Caiu como uma luva pra mim. Odeio sentir que estou gastando meu tempo com coisas inúteis (como ficar mexendo no celular fazendo vários nadas) mas infelizmente tenho me sentido assim mesmo. É sempre bom repensar a forma com que nos organizamos e tentar enxergar como podemos melhorar. E sim, o pessimismo sempre atrapalha - e ainda tem mais, se a gente não acredita no próprio potencial, como os outros podem acreditar? Enfim, gostei muito do que tu escreveu.
    Beijo, Bruna S. ♥
    Chanel Fake Blog

    ResponderExcluir

Comente !